Médicos discutem técnica revolucionária no tratamento do Cancro Colo-Rectal

Simpósio reuniu especialistas no Funchal

16 março 2007
  |  Partilhar:

 

A Quimioterapia associada ao fármaco cetuximab aumenta significativamente a taxa de resposta e consequentemente o número de doentes com Cancro Colo-Rectal, candidatos a cirurgia. Esta nova abordagem foi tema de um encontro científico que ocorreu esta semana no Funchal.
 

 

A reunião que contou com o apoio do Grupo de Investigação do Cancro Digestivo (GICD) teve por principal objectivo juntar cirurgiões e oncologistas para se discutir os avanços médicos e cirúrgicos na área do cancro Colo-Rectal e as melhores estratégias de combate a este tumor. No encontro foi também discutida a eficácia do fármaco cetuximab, quando associado à Quimioterapia, e o seu papel como ‘aliado’ da cirurgia.
 

 

Esta abordagem, Quimioterapia neoadjuvante (antes da cirurgia), seguida de ressecção de metástases hepáticas, pode aumentar as hipóteses de cura. O papel do cetuximab nesta área é aumentar significativamente a eficácia da Quimioterapia e o número de doentes que vão poder beneficiar de ressecção hepática.
 

 

Para Sérgio Barroso, do Serviço de Oncologia do Hospital de Évora, “esta prática permite diminuir as lesões Metastáticas do fígado, possibilitando assim a sua remoção cirúrgica, aquilo a que nós chamamos “downsizing” para ressecção de Metástases hepáticas. É uma estratégia nova que nos permite operar doentes, que à partida não eram operáveis, aumentando significativamente a sua possibilidade de sobrevivência.”
 

 

O simpósio contou ainda com a participação do Prof. René Adam, Director do serviço de Cirurgia do Hospital Paul Brousse, em Villejuif, França, que já tratou mais de 130 doentes com cetuximab e conseguiu aumentar a taxa de ressecção hepática de 14% para 19%, um valor muito significativo para este grupo de doentes.
 

 

MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.