Médicos deviam prescrever mais exercício físico

Alerta da Fundação Portuguesa de Cardiologia

15 dezembro 2011
  |  Partilhar:

Os médicos deviam prescrever mais exercício físico aos utentes, para prevenir doenças do coração e promover estilos de vida saudáveis, adverte o presidente da delegação Centro da Fundação Portuguesa de Cardiologia, Polybio Serra e Silva.

 

“O exercício físico devia ser prescrito como uma receita. Há já alguns médicos a prescrevê-lo mas deviam ser mais”, disse à agência Lusa Polybio Serra e Silva, sublinhando que “mais de metade dos portugueses são obesos e um milhão são diabéticos”.

 

Especialmente dirigido a obesos e diabéticos, mas aberto a todos os interessados, um novo Programa de Iniciação à Actividade Física (PIAF), promovido pela delegação Centro da Fundação e divulgado esta semana, arranca em Janeiro em Coimbra, apostando nas caminhadas e treinos de força, em ginásio.

 

Os participantes são desafiados a, durante dois meses, realizar 90 minutos de actividade física todas as segundas, quartas e quintas-feiras.
A participação carece de um exame prévio da condição física do utente e implica ser ou fazer-se sócio da Liga de Amigos da Fundação Portuguesa de Cardiologia, cuja quota anual são 25 euros.

 

As inscrições terão de ser efectuadas telefonicamente para a delegação da Fundação ou através do endereço electrónico programapiaf@gmail.com.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 1 Comentar

Exercício Ilegal de Profissão ou Atividade

ABSURDO... ISTO É UMA CONTRAVENÇÃO PENAL - Exercício Ilegal de Profissão ou Atividade. Exercer profissão ou atividade econômica ou anunciar que a exerce, sem preencher as condições a que por lei está subordinado o seu exercício

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.