Médicos de família recebem formação para tratar casos de depressão

Programa nacional começa a ser aplicado em 2006

12 outubro 2005
  |  Partilhar:

 

 

A Direcção-Geral da Saúde (DGS) quer que os médicos de família passem a diagnosticar e a tratar mais casos de depressão, doença que se estima atinja por ano em Portugal pelo menos um milhão de pessoas, na sua forma mais incapacitante.
 

 

Ainda que a conclusão do Programa Nacional de Luta Contra a Depressão apenas esteja prevista para o final deste ano, o primeiro passo vai ser dado já em Novembro com uma acção de formação nacional de formadores - que posteriormente vão treinar os clínicos dos centros de saúde, adianta Maria João Heitor, directora de Serviços de Psiquiatria e Saúde Mental da DGS. A formação funcionará "em cascata", com o apoio das administrações regionais de Saúde.
 

 

Fonte: Público
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.