Medicamento contra a osteoporose ganha Prix Galien 2005

Ranelato de Estrôncio é promissor no combate à doença

28 dezembro 2005
  |  Partilhar:

 

 

Uma nova terapêutica no tratamento da osteoporose foi recentemente premiada com a atribuição do prestigiado Prix Galien 2005 para Inovação na Investigação na Indústria Farmacêutica. Trata-se do medicamento de acção dupla para o tratamento da osteoporose, com a substância activa Ranelato de Estrôncio, do laboratório Servier.
 

 

Os resultados de dois ensaios clínicos em larga escala, de fase III, revelaram que o Ranelato de Estrôncio é eficaz na redução do risco de fracturas vertebrais e do colo do fémur em mulheres osteoporóticas pós-menopáusicas.
 

 

Os resultados, publicados no New England Journal of Medicine, referentes ao primeiro ensaio clínico revelam que em mulheres com fracturas vertebrais, o risco de novas fracturas é significativamente inferior no período de um ano, mantendo-se a longo prazo. Esta eficácia foi também confirmada em doentes sem fractura prévia. Os resultados, recentes, do segundo estudo clínico revelam que o Ranelato de Estrôncio também reduz, significativamente, o risco de fracturas do colo do fémur em doentes pós-menopáusicas osteoporóticas.
 

Antes deste prémio, o medicamento também foi galardoado com prémios equivalentes nos E.U.A. (Prémio Frost & Sullivan) e em Espanha (Prémio da Fundação de Ciências do Medicamento).
 

 

MNI-Médicos Na Internet
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.