Medicação triplica efeitos analgésicos da acupunctura

Estudo publicado na revista “Nature Neuroscience”

03 junho 2010
  |  Partilhar:

Num estudo publicado na revista “Nature Neuroscience”, investigadores da University of Rochester Medical Center, EUA, indicam que a molécula adenosina tem um papel importante nos efeitos da acupunctura.

 

A partir desta constatação, a equipa conseguiu triplicar os efeitos da acupunctura em ratinhos ao adicionar uma medicação usada em pacientes com leucemia. Trata-se da “deoxycoformycin”, um fármaco que dificulta a remoção da adenosina dos tecidos.

 

A adenosina é um composto natural conhecido pelo seu papel na regulação do sono, pelos seus efeitos sobre o coração e pela sua acção anti-inflamatória. Mas esta molécula também é um analgésico natural, tornando-se activa na pele, por exemplo, após um ferimento, para inibir a sinalização nervosa e diminuir as dores, de uma forma idêntica à do anestésico lidocaína.

 

A equipa de cientistas tratou ratinhos com dores numa pata com sessões de 30 minutos num ponto de acupunctura perto do joelho. As agulhas muito finas eram rodadas suavemente a cada cinco minutos. Nos roedores com níveis normais de adenosina, a técnica reduziu o desconforto em dois terços, mas, nos animais que não tinham o receptor da adenosina, o método não surtiu efeito. Ao activar a adenosina nos tecidos, o desconforto foi reduzido mesmo sem a prática da acupunctura.

 

Durante e após o tratamento com acupunctura, os cientistas verificaram que os níveis de adenosina nos tecidos próximos das agulhas foram 24 vezes maiores do que antes do tratamento. Foi essa constatação que levou os cientistas a usarem o fármaco “deoxycoformycin”, que dificulta a remoção da adenosina dos tecidos, conseguindo, assim, triplicar os efeitos analgésicos.

 

“A acupunctura tem sido um pilar do tratamento médico em certas partes do mundo desde há mais de 4 mil anos mas, porque nunca foi completamente compreendida, muitas pessoas continuam cépticas”, afirmou, em comunicado enviado à imprensa, o autor do estudo, Maiken Nedergaard, adiantando que este trabalho fornece informações sobre um dos mecanismos físicos pelos quais a acupunctura reduz a dor.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.