Massagens ilusórias podem aliviar dor de membro fantasma dos amputados

Estudo apresentado na “New Scientist”

20 maio 2008
  |  Partilhar:

As “dores fantasma” sentidas por pessoas que sofreram amputações de membros podem ser minimizadas através da visualização de gestos de massagem na suposta região dolorosa do corpo, revela um artigo publicado na revista “New Scientist”.
 

 

O investigador Vilayanur Ramachandran e a sua mulher, Diane Rogers-Ramachandran, da University of California, nos EUA, conduziram testes com antigos combatentes norte-americanos sobre estas dores e os meios de as eliminar.
 

 

Numa situação normal, massajar a pele ajuda a aliviar a dor, restaurando a circulação do sangue e activando células sensoriais, que inibem as mensagens dolorosas enviadas ao cérebro. No caso dos amputados, o sinal que chega ao cérebro diz respeito a sensações ilusórias que ocorrem devido a uma espécie de "efeito de espelho", pelo que os investigadores criaram precisamente um sistema de "caixa-espelho" capaz de dar aos amputados a impressão de verem o seu membro em falta.
 

 

Os testes mostram que dois voluntários, ao verem a sua mão intacta ser tocada, tiveram a impressão de que a mão desaparecida também era acariciada. Na opinião de Vilayanur Ramachandran, se este tipo de terapêutica for utilizado suficientemente cedo, pode também ajudar vítimas de AVC a recuperar movimentos perdidos.
 

 

Fonte: Lusa e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.