Mascar pastilha elástica pode evitar infecções no ouvido das crianças

Estudo do North Shore LIJ-Health System

16 novembro 2011
  |  Partilhar:

Mascar gomas e pastilhas elásticas com o adoçante xilitol pode reduzir as infecções do ouvido nas crianças, revela uma revisão sistemática realizada por investigadores do North Shore LIJ-Health System, dos EUA.

 

O adoçante natural xilitol tem propriedades antibacterianas, contudo, os investigadores não encontraram provas suficientes para sugerir o uso do adoçante para ajudar a prevenir infecções de ouvido.

 

Em comunicado de imprensa, o líder da investigação, Amir Azarpazhooh, disse que o xilitol parece inibir o crescimento bacteriano em crianças saudáveis, até aos 12 anos. A revisão verificou que as crianças que mastigaram o adoçante tiveram menos infecções no ouvido, em comparação com as crianças que receberam pastilhas e gomas com outros adoçantes.

 

O adoçante natural xilitol encontra-se em fibras de frutas, legumes, cascas de milho e cana-de-açúcar.As infecções no ouvido podem ser graves e os tratamentos com antibióticos são dispendiosos, além de provocarem efeitos secundários.

 

Oitenta e três por cento das crianças têm uma infecção no ouvido até aos 3 anos, sendo que os casos mais graves requerem cirurgia. A revisão de vários estudos verificou que o xilitol reduziu as taxas de infecção do ouvido em 25%, sendo que estes foram comparados com estudos-controlo de crianças menores de 12 anos que não mastigaram o adoçante. A dose que parece ser eficaz foi a  de 8-10 gramas diárias de xilitol na forma de goma ou pastilhas.

 

Mark Shikowitz, vice-presidente de otorrinolaringologia do North Shore LIJ-Health System, disse que a goma em si parece ser benéfica como uma forma de prevenir infecções no ouvido, possivelmente porque mastigar as pastilhas elásticas faz com que se abram e fechem os tubos de Eustáquio, os tubos que ligam a garganta ao ouvido médio. No entanto, Shikowitz acrescentou, em comunicado da instituição, que as gomas de mascar em excesso podem ser um problema, referindo que, muitas vezes, atende pacientes jovens que desenvolvem problemas no maxilar devido à mastigação excessiva.

 

Contudo, a revisão mostrou que o xilitol pode ser útil para a prevenção de infecções do ouvido, especialmente em crianças que têm dificuldade em tomar antibióticos. Mas o co-autor da revisão Hardy Limeback sugere que são necessárias mais pesquisas antes que se possam elaborar directrizes válidas quanto ao uso do xilitol.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.