Malária: OMS alerta para perigo de mosquitos a bordo de aviões

Pulverizar com insecticida todo o aparelho quando parte de um destino tropical é uma medida que, apesar de poder incomodar os passageiros, se mostra necessária, sublinha a OMS.

20 agosto 2000
  |  Partilhar:

A Organização Mundial de Saúde alertou hoje os Governos e as companhias aéreas para a necessidade do reforço das medidas destinadas a evitar que os mosquitos portadores de malária sobrevivam a bordo dos aviões.
 

 

O alerta surge em consequência de um estudo da OMS, que revela existirem já casos de "malária do aeroporto", na Europa ou América do Norte, que podem ser "bastante perigosos".
 

 

O estudo demonstra que entre 1969 e 1999 foram reportados 89 casos de malária entre pessoas que residem nas proximidades dos aeroportos em países onde a doença não é endémica, tendo-se registado pelo menos cinco mortos, na sua maioria (26) franceses.
 

 

Pulverizar com insecticida todo o aparelho quando parte de um destino tropical é uma medida que, apesar de poder incomodar os passageiros, se mostra necessária, sublinha a OMS.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.