Mais horas de sono e maiores níveis de colesterol

Estudo publicado na revista “Psychosomatic Medicine”

14 janeiro 2009
  |  Partilhar:

As pessoas de meia-idade e os idosos que dormem mais horas por noite (sendo o ideal de sete a oito horas diárias) apresentam níveis mais elevados de colesterol total e menores níveis do “bom” colesterol (HDL), de acordo com um estudo publicado na revista científica “Psychosomatic Medicine”.
 

 

Vários estudos epidemiológicos têm associado um aumento da taxa de mortalidade à duração habitual das horas de sono (dormir de menos ou dormir de mais). Contudo, refere o documento, os mecanismos que explicam estas associações permanecem desconhecidos.
 

 

Neste estudo, liderado por Julia van den Berg da Leiden University Medical Center, na Holanda, os investigadores avaliaram a relação dos níveis de colesterol com a duração do sono em 768 pessoas, com idades entre os 57 e os 97 anos.
 

 

Foi constatado que quem dormia mais de sete a oito horas diárias, durante os sete dias de acompanhamento, apresentava maiores níveis de colesterol total. De acordo com o resumo do estudo, as pessoas com menos de 65 anos apresentavam maiores níveis de colesterol dado passarem mais tempo deitados. Enquanto, nos mais idosos foi verificada que um aumento dos níveis de colesterol está relacionado com um sono menos fragmentado.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.