Mais doentes à espera de operação

Ministro reconhece existência de nova lista de espera com 55 mil doentes

05 junho 2003
  |  Partilhar:

O ministro da Saúde reconheceu quarta-feira a existência de uma nova lista de espera para cirurgias com 55 mil doentes registada pelos hospitais portugueses entre Julho de 2002 e Abril de 2003.
 

 

Esta nova lista tem mais do que os 51.200 doentes que o governo disse ter conseguido operar nos primeiros seis meses de execução do Programa de Combate às Listas de Espera (PECLEC), criado para dar resposta às 123.000 pessoas que a 30 de Junho de 2002 aguardavam por uma cirurgia.
 

 

Os dados foram avançados pelo ministro da Saúde, Luís Filipe Pereira, durante a apresentação aos deputados da Assembleia da República da política de Saúde que está a ser seguida pelo governo.
 

 

Apoiado em muitos números, o ministro congratulou-se com os resultados do PECLEC que, segundo as contas do Ministério, conseguiu operar 51.200 doentes nos primeiros seis meses do programa. Por resolver fica, entretanto, uma outra lista de espera que «nasceu» entre 01 de Julho do ano passado e 30 de Abril deste ano, contando já com 55 mil doentes que aguardam por uma cirurgia, um número que terá já aumentado no mês de Maio.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.