Mais de metade das vítimas mortais da gripe A tinha entre 20 e 49 anos

Brasil regista maior número de óbitos

31 agosto 2009
  |  Partilhar:

Cinquenta e um por cento das vítimas mortais da gripe A tinham uma idade compreendida entre os 20 e os 49 anos, revela um estudo realizado pelo Instituto de Vigilância Sanitária francês (InVs) e publicado na revista “Eurosurveillance”, do Centro Europeu para a Prevenção e Controlo de Doenças, sedeado em Estocolmo.

 

De acordo com o estudo, em metade dos casos fatais nenhum paciente sofria de outra doença. A gravidez e problemas de metabolismo, como a diabetes ou a obesidade, são citados como "factores de risco particularmente importantes", segundo os especialistas do InVs, que especificaram que a idade média das vítimas mortais é de 37 anos.

 

Entretanto, o Ministério da Saúde brasileiro revelou que o número de vítimas mortais da gripe A atingiu as 577, o que coloca o país em primeiro lugar nas estatísticas de casos fatais, nomeadamente à frente dos EUA (522), Argentina (439) e México (179).

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.