Mais conversa e menos acção

Doentes querem trabalho de equipa com os seus médicos

24 fevereiro 2001
  |  Partilhar:

Um estudo recente realizado no Reino Unido sugere que os doentes preferem, numa consulta, discutir o seu problema e receber conselhos do seu médico do que sair do consultório com uma receita ou em exame médico e sem conversa.
 

 

Os resultados deste estudo, publicado na edição de 24 de Fevereiro do British Medical Journal, resultaram de um questionário a 824 pacientes e mostram que a maioria (mais de 3/4) preferia que a sua visita ao médico se baseasse numa comunicação entre eles e o médico, numa discussão dos seus sentimentos acerca da sua condição e tratamento e numa escuta de conselhos sobre como melhorar a sua condição e sobre como se manterem saudáveis.
 

 

Somente 63% pretendia um exame médico e apenas 1/4 esperava levar consigo uma receita médica.
 

 

Segundo os autores, este estudo é o maior realizado até ao momento sobre este tema.
 

 

Helder Pereira
 

MNI- Médicos na Internet
 

 

Fonte: Reuters Health

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.