Leite e derivados lácteos previnem osteoporose

Consumo deve ser incentivado até aos 18 anos

14 março 2005
  |  Partilhar:

 

 

 

 

«O consumo de produtos lácteos deve ser incentivado junto das crianças e adolescentes porque a sua massa óssea está no seu máximo desenvolvimento. A osteoporose é uma situação que se constrói nas primeiras idades e só se sentem as consequências na terceira idade», afirmou Margarita Franch, professora titular de pediatria, coordenadora do curso de nutrição humana e dietética na Faculdade de Medicina, da Universidade de Valladolid.
 

 

A afirmação foi proferida durante o simpósio «O Presente e Futuro da Nutrição Infantil», que decorreu recentemente durante o 7º Congresso Nacional de Pediatria.
 

 

De acordo com aquela especialista, «a nutrição é um dos factores importantes que podemos alterar e que os pediatras podem influenciar para se obter uma melhor massa óssea e, desta forma, contrariar o aparecimento da osteoporose».
 

 

A mineralização do esqueleto é muito rápida até aos dois, três anos, altura em que as crianças estão mais expostas a factores de limitação da calcificação, prosseguindo de forma segura até aos 10 anos, com maior impacto nas crianças do sexo feminino.
 

 

Depois, até aos 18 anos, sensivelmente, dá-se a consolidação da massa óssea do corpo humano. «É por isso que até à adolescência devem os produtos lácteos ser consumidos frequentemente», reforçou a especialista que se baseou num estudo sobre mineralização óssea por ultra-sons realizado junto de 5147 crianças da Comunidade de Leão e Castela.
 

 

De todos os factores nutricionais que influenciam a mineralização óssea, a investigadora aponta o cálcio como o principal, já que 99 por cento deste elemento químico se encontra depositado nos ossos.
 

 

Assim, conclui, o consumo de produtos lácteos e os suplementos ricos em cálcio são vitais junto dos adolescentes e das crianças para atingirem o pico de massa óssea, prevenindo a osteoporose.
 

 

Além disso, finalizou, ficou demonstrado no estudo que é maior a eficácia dos suplementos ricos em cálcio se tomados conjuntamente com vitamina D do que tomados de forma isolada, não trazendo quaisquer benefícios para a estrutura óssea suplementos exclusivos em vitamina D.
 

 

MNI- Médicos na Internet
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.