Legionella: Comissão Europeia está a acompanhar surto

Avaliação de risco já foi solicitada

13 novembro 2014
  |  Partilhar:

O surto de Legionella em Portugal, o maior registado no país, está a ser acompanhado de perto pela Comissão Europeia, tendo já sido solicitado ao Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças uma avaliação rápida de risco.
 

O porta-voz da Comissão Europeia para a Saúde, Enrico Brivio, disse à agência Lusa que, independentemente de um surto da doença dos legionários não ser propriamente encarado como uma ameaça transfronteiriça à saúde, já que é por regra um evento local, sem transmissão entre os seres humanos, Bruxelas está a monitorizar de perto a situação, consciente de que se trata “do maior surto de sempre de Legionella em Portugal”.
 

“A Comissão está a monitorizar de perto os acontecimentos com o apoio da ECDC (a sigla em inglês do Centro Europeu de Controlo e Prevenção de Doenças) e da ELDSNet (a rede europeia de vigilância da doença dos legionários), que está a monitorizar ativamente casos de Legionella relacionados com viagens, em contacto com o respetivo ponto de contacto da ELDSNet em Portugal”, referiu, acrescentando que a Comissão já pediu à ECDC uma avaliação rápida de risco, que deverá ser entregue nos próximos dias.
 

Por outro lado, acrescentou, as autoridades de saúde pública dos Estados-membros recebem regularmente informação atualizada sobre os desenvolvimentos da situação através do sistema de resposta e alerta rápido da União Europeia.
 

O executivo comunitário referiu que tem conhecimento de que o surto de Legionella está a ser tratado pelas autoridades de saúde de Portugal “como uma grande emergência de saúde pública”, envolvendo especialistas das mais diversas áreas, que estão “a assegurar-se de que as medidas necessárias estão a ser implementadas para controlar o surto”.
 

O surto da doença do legionário em Portugal já infetou mais de 270 pessoas, tendo todos os casos “uma ligação epidemiológica ao surto que decorre em Vila Franca de Xira", de acordo com a Direção Geral da Saúde portuguesa.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.