Lactobacillus ajudam a reduzir barriga no pós-parto

Estudo da Universidade de Turku

19 junho 2009
  |  Partilhar:

As chamadas bactérias probióticas, como as bifidobactérias e os lactobacilos, podem ajudar as recém-mamãs a controlar a gordura abdominal. O estudo, da Universidade de Turku, na Finlândia, foi apresentado recentemente no “European Congress on Obesity”, realizado em Amesterdão, Holanda.

 

A investigação incluiu a análise de 256 grávidas, que, no primeiro trimestre de gravidez, foram divididas em três grupos: dois receberam conselhos nutricionais e um cabaz de alimentos saudáveis, mas apenas um deles recebeu cápsulas contendo lactobacilos e bifidobactérias; o terceiro grupo recebeu um placebo e não teve aconselhamento nutricional.

 

Doze meses após o nascimento, 25% das mulheres que receberam probióticos apresentavam obesidade abdominal, contra 43% das mulheres que tiveram apenas conselhos nutricionais e 40% das mulheres que receberam apenas o placebo. E a média de gordura corporal foi de 28%, 29% e 30%, respectivamente, indicando benefícios dos probióticos para a saúde da mãe.

 

Em declarações ao sítio MedicineNet, Kirsi Laitinen, membro da equipa de investigadores, referiu serem necessários mais estudos que comprovem o papel dos probióticos na diminuição do perímetro abdominal. A investigadora acrescentou que a equipa vai continuar a acompanhar as mulheres e os seus bebés para determinar se a toma de probióticos durante a gravidez tem alguma influência sobre a saúde das crianças.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.