Kits podem salvar animais em Israel

Em caso de guerra já existe equipamento para cães, gatos e aves

06 fevereiro 2003
  |  Partilhar:

Enquanto os israelitas se preparam para os riscos de um possível ataque químico ou biológico do Iraque, uma empresa desenvolveu um kit para também garantir a segurança dos animais de estimação.
 

 

A Supergum Ltd, fabricante de equipamentos de protecção contra ataques nucleares, biológicos e químicos, desenvolveu o que denominou de « o primeiro kit de segurança para animais de estimação».
 

 

Segundo Roni Srour, vice-presidente da companhia de Tel Aviv, em Israel, este equipamento é apenas uma resposta às várias demandas de donos que, ao longo dos últimos meses, têm telefonado para a empresa para saber que tipo de soluções poderiam oferecer aos seus animais.
 

 

Durante a Guerra do Golfo de 1991, o Iraque disparou 39 mísseis Scud contra Israel, matando uma pessoa e provocando sérios danos. Com a iminência de uma acção militar liderada pelos Estados Unidos contra o país árabe, os israelitas já estão a prepara-se para a possibilidade de novos ataques de mísseis iraquianos, que desta vez podem conter ogivas químicas ou biológicas.
 

 

O kit da Supergum é apresentado em três tamanhos e custa entre 890 e 1.700 shekels, ou seja, de 185 a 350 euros. Os equipamentos incluem bolhas plásticas, que vão vedar os animais dentro de gaiolas, filtros de ar e ventoinhas que garantirão o fornecimento de ar puro.
 

 

Como medida de precaução, Israel está a preparar câmaras vedadas onde as pessoas deverão usar máscaras de protecção contra a acção de agentes químicos, mas os animais de estimação não suportariam o uso de máscaras por mais que alguns minutos. Os kits contêm quatro baterias que duram seis horas e podem ser recarregadas, disse Zeev Scheiner, o veterinário que testou o equipamento em cães, gatos e aves.
 

 

Em conferência de imprensa, citada pela agência Reuters, Scheiner refere que os kits não têm nenhum efeito sobre a saúde dos animais, mas caso os animais tenham claustrofobia ou sejam muito nervosos, pode ser administrado um calmante. Srour disse ainda que a Supergum está a prepara kits para a polícia e o Exército israelita protegerem os seus cães.
 

 

Traduzido e adaptado por:
 

Paula Pedro Martins
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.