Jovem em coma há seis anos desperta com psicofármaco

Caso apresentado em documentário da BBC

05 novembro 2007
  |  Partilhar:

 

Uma jovem britânica de 23 anos, que há seis anos estava em coma, voltou a dar sinais de vida depois de lhe terem administrado um psicofármaco, durante uma experiência clínica.
 

 

Amy Pickard está internada, desde 2001, no Raphael Medical Center, em Tonbridge. Até à experiência estava ventilada e era alimentada através de sonda.
 

 

Amy, que protagoniza um documentário da BBC chamado “The Waking Pill”, é uma das 360 pessoas que participam num teste em escala mundial com o fármaco zolpidem para tratar pessoas em coma.
 

 

De acordo declarações da mãe à BBC, Thelma Pickard, 54 anos, Amy passou a respirar naturalmente, reage ao sabor de determinados alimentos e tem muito mais brilho no olhar.
 

 

Os efeitos do fármaco foram descobertos por um ciclista sul-africano que entrou em estado de coma depois de ser atropelado por um camião em 1994. Cinco anos depois do acidente, a enfermeira que o tratava observou que o paciente se segurava com muita força à cama e decidiu administrar-lhe zolpidem para que dormisse mais tranquilamente. Em vez disso, 25 minutos depois de ter ingerido o medicamento, o paciente levantou-se da cama e pronunciou algumas palavras.
 

 

Já Amy apresentou progressos só quatro semanas depois de ter tomado o primeiro comprimido. Os médicos já advertiram a mãe de que podem passar meses até que se possa falar realmente em recuperação.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.