Jesus usava «Cannabis» para fins terapêuticos

Droga pode explicar as curas miraculosas

07 janeiro 2003
  |  Partilhar:

Segundo um estudo publicado na revista especializada em drogas «High Times», publicada nos Estados Unidos e citada pelo «The Guardian», Jesus era, provavelmente, um utilizador de «cannabis».
 

 

O estudo foi feito a partir da análise das escrituras e o seu autor, Chris Bennet, diz que Jesus e os seus discípulos costumavam usar a droga para fins terapêuticos - as curas miraculosas, sobretudo na pele e olhos. O óleo que usavam para ungir os seguidores e doentes continha um ingrediente chamado «kanesh-boson», identificado como extracto de «cannabis».
 

 

Bennet - que chamou ao artigo «Was Jesus stoned?» (Jesus estava pedrado?) - cita académicos para defender a sua tese. Para o professor de mitologia clássica na universidade de Boston Carl Ruck «nãão há dúvidas de que a cannabis tem um papel na religião judaica». E acrescentou: «Obviamente, devido ao fácil acesso e à tradição judaica de usar cannabis (...), (a cannabis) terá sido usada nas misturas cristãs».
 

 

Actualmente, a cannabis é fumada ou comida, mas também pode ser absorvida pela pele. Pelo que, conclui o estudo, Jesus pode ter sido um dos primeiros indivíduos a propagar o uso da cannabis para fins terapêuticos.
 

 

Fonte: Público
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.