James Watson diz que os negros são menos inteligentes que os brancos

Declarações polémicas ao “Sunday Times”

21 outubro 2007
  |  Partilhar:

 

James Watson, Nobel da Medicina em 1962, um dos homens responsáveis pela descoberta da estrutura molecular do ADN, acredita que os negros são menos inteligentes que os brancos.
 

 

As suas declarações, publicadas num trabalho no “Sunday Times”, estão a envolver o cientista, mais uma vez, numa acesa polémica. Não é, no entanto, a primeira vez que James Watson, já com 79 anos e responsável pelo prestigiado laboratório de Cold Springs, suscita polémica com as suas declarações politicamente incorrectas.
 

 

Em 1997 afirmou, também numa entrevista ao britânico “Telegraph”, que, se um dia se descobrisse que a homossexualidade está gravada nos genes, então que as mães de bebés com esses genes deveriam ter o direito de abortar: “Disse que deviam ter esse direito porque quase todas gostavam um dia de ter netos”, recordou agora na entrevista de domingo do “Sunday Times”.
 

 

James Watson prepara-se para publicar o livro “Avoid boring people: lessons from a life in Science”.
 

 

Fontes: Público e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.