IP5 entre as vias mais perigosas na União Europeia

Jornal inglês classifica estradas mundiais

03 agosto 2005
  |  Partilhar:

 

 

 

 

Um artigo do jornal britânico «The Sunday Times» refere que as estradas portuguesas, em particular o IP5, estão entre as vias mais perigosas do mundo. No artigo, intitulado Armadilhas mortais: as estradas mais perigosas do mundo e publicado no mês passado, Portugal é citado como tendo a maior taxa de mortalidade por acidentes de viação da União Europeia (dados de 2000), números que em parte se devem às vias rápidas.
 

 

O IP5, descrito como a principal ligação de Portugal com a Europa, é uma das estradas onde é mais difícil conduzir e onde já morreram 400 pessoas desde a sua abertura ao tráfego há uma década, segundo o jornal.
 

 

A referência ao IP5 segue-se a duas outras referentes a estradas localizadas em partes diferentes do globo: uma na Bolívia, considerada a mais perigosa do mundo; e outra no Sul de Espanha, que liga Málaga a várias cidades turísticas como Torremolinos e Marbella. O artigo dá ainda conta de um relatório da EuroRap (Europe Road Assessment Programe), organização não-governamental belga, sobre as estradas britânicas.
 

 

Fonte: Público
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.