Investigadores tentam descobrir qual «o verdadeiro» Colombo

ADN é a chave para resolver o mistério

18 setembro 2002
  |  Partilhar:

Investigadores espanhóis vão recorrer ao DNA (ácido desoxirribonucleico) para verificar quais são os verdadeiros restos mortais do navegador Cristóvão Colombo.
 

 

A iniciativa permitirá também confirmar qual o local onde se encontram realmente os restos mortais do navegador, já que para uns, Colombo jaz na catedral de Sevilha, mas outros defendem que permanece sepultado na República Dominicana.
 

 

Segundo a edição de hoje do jornal El Pais, uma equipa de investigadores removeu terça-feira os supostos restos mortais de Diego Colombo, em Sevilha, e será depois de se decifrar o ADN (o constituinte químico dos genes) do irmão de Cristóvão Colombo que fará a prova dos nove, ao compará-lo com o das duas ossadas que se pensa poderem ser do descobridor das Américas.
 

 

Os testes de ADN são o método de identificação mais seguro, com níveis de certeza próximos dos cem por cento, e permitem comparar material genético como se fossem "dois códigos de barras", explicam os peritos.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.