Investigadores dos EUA criam e destroem embriões humanos para investigação
12 julho 2001
  |  Partilhar:

Cientistas norte-americanos do Instituto Jones para a medicina reprodutiva, em Norfolk, Virgínia, reconheceram ontem publicamente terem criado embriões humanos em laboratório com o único fim de os destruírem para lhes retirarem as respectivas células precursoras ou células stem.
 

 

Num artigo publicado na revista Fertility and Sterility, os investigadores afirmam ter fertilizado "in vitro" ovócitos com esperma, provenientes de doadores anónimos, para criar embriões humanos.
 

 

Esta revelação acontece quando o presidente George W. Bush se prepara para se pronunciar sobre um eventual financiamento público da investigação médica sobre estas células, proibido desde 1995.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.