Investigadores determinam origem genética do autismo

Doença manifesta-se desde a infância

22 agosto 2001
  |  Partilhar:

O trabalho conjunto de uma equipa de investigadores norte- americanos e europeus permitiu determinar o papel de certos genes na origem do autismo, foi hoje anunciado pelos Institutos nacionais de saúde norte-americanos.
 

 

Os investigadores conseguiram identificar certas regiões de quatro cromossomas que parecem ligados a esta desordem neurológica e de desenvolvimento.
 

 

Os investigadores estudaram o ADN de 150 pares de irmãos e irmãs afectados pela doença e os resultados indicam que duas zonas dos cromossomas 2 e 7 contêm genes envolvidos no autismo.
 

 

Outros genes ligados à doença foram identificados nos cromossomas 16 e 17 mas, nestes últimos, a ligação foi considerada menos evidente pelos investigadores.
 

 

Fonte: Lusa
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.