Investigadores descobrem porque razão o melanoma é mais propenso a metástases

Gene Slug é o responsável

09 setembro 2005
  |  Partilhar:

 

 

Cientista do Whitehead Institute for Biomedical Research (EUA) descobriram por que razão o melanoma é o cancro mais propenso a criar metástases por todo o corpo. O artigo, publicado na revista Nature Genetics, explica que a razão está ligada às próprias células melanócitas, da camada mais profunda da epiderme.
 

 

Os cientistas descobriram que o responsável é um gene, de nome Slug, presente no agregado embrionário inicial que dá origem a muitas células, entre elas as da derme. Este gene confere às células a capacidade de viajarem para várias localizações do embrião.
 

 

Embora o gene fique desactivado no adulto, na presença de um melanoma, o gene Slug é de imediato reactivado permitindo ao cancro espalhar-se de forma muito mais eficaz do que, por exemplo, o cancro da mama. Depois de desactivarem o Slug nas células do melanoma e as injectarem em ratinhos, os cientistas verificaram que o melanoma perdeu a capacidade de criar metástases.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI- Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar