Investigador português recebe bolsa para aumentar eficácia das células estaminais

Bolsa atribuída pela National Blood Foundation

03 agosto 2012
  |  Partilhar:

Um investigador português foi premiado com uma bolsa do National Blood Foundation no valor de cerca de 122 mil euros, para o desenvolvimento de um projeto que tem como objetivo aumentar a capacidade de células da medula humana, de modo a tratar doenças, como a leucemia.
 

O objetivo do trabalho, que vai ser desenvolvido na totalidade no Instituto de Medicina Molecular (IMM) da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, é conseguir reforçar as características de células estaminais que rareiam na medula humana, de modo a torná-las “muito mais eficazes” no combate a doenças sanguíneas, explicou à agência Lusa Henrique Veiga Fernandes.
 

“Esse tipo de células é raro, o que torna difícil o tratamento”, pelo que é necessário aumentar a sua capacidade para se ter mais sucesso, adiantou.
 

Após terem conseguido obter resultados promissores em ratinhos e em ambiente laboratorial, o próximo passo é avançar para a investigação em humanos.
 

O processo passa por determinar quais as proteínas existentes no próprio corpo humano e na medula que irão ser colocadas em grandes quantidades em contacto com as células a potenciar, de modo a aumentar-lhes as capacidades, explicou o investigador.
 

Além de doenças que atingem diretamente a medula, como as leucemias, o tratamento poderá vir a ser utilizado em pacientes com cancro, cujos tratamentos destroem as células da medula óssea.
 

A determinação da proteína que consegue o efeito pretendido é a parte mais difícil de um processo que culmina depois com a obtenção dessa mesma proteína de forma artificial, em laboratório, o que torna o tratamento mais barato e viável economicamente para ser aplicado nos doentes, de acordo com investigador.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.