Investigação do cancro em livro

«Uma Célula Renegada» chega agora às livrarias

23 janeiro 2003
  |  Partilhar:

Os progressos na investigação do cancro, desde a descoberta do primeiro vírus causador da doença em 1909 até aos estudos mais recentes, foram reunidos em livro pelo norte-americano Robert Weinberg.
 

 

O trabalho, com o nome «Uma Célula Renegada», chega agora às livrarias portuguesas pela editora Temas e Debates, colecção Mestres da Ciência.
 

 

O autor, que ao longo de dezasseis capítulos expõe os principais passos que aproximaram os cientistas da mais temida doença das sociedades modernas, termina, apesar de tudo, com uma mensagem de esperança. «Passámos de um estado de grande ignorância para um de conhecimento profundo. Vivemos tempos de grande emoção e entusiasmo», conclui Weinberg, director do Laboratório de Investigação de Oncologia no Whitehead Institute.
 

 

Convidado a comentar o livro, José Carlos Machado, do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (IPATIMUP), explicou, em declarações à Agência Lusa, que um século de trabalho de investigadores de todo o mundo permitiu chegar a uma fase em que já é possível prevenir e controlar alguns tipos de cancro.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.