Investigação avalia esperança de vida das mulheres

Estudo comparativo publicada no British Medical Journal

17 abril 2006
  |  Partilhar:

 

 

Pela primeira vez na história, as mulheres poderão este ano ter maior esperança de vida do que os homens em todo o mundo, indica um estudo da University of Sheffield, Reino Unido.
 

 

No estudo publicado no British Medical Journal, o director da investigação, Danny Dorling, da University of Sheffield (norte de Inglaterra), afirma ser impossível saber com segurança o ano exacto em que a esperança de vida das mulheres ultrapassará a dos homens, mas considera "muito provável que seja em 2006".
 

 

"Este aumento da esperança de vida deve-se à melhoria dos cuidados durante a gravidez e à assistência de parteiras ou outro pessoal especializado”. E acrescenta que apesar de haver ainda muito por fazer, a situação melhorou de modo a permitir que as mulheres vivam mais anos em todo o mundo.
 

 

No entanto a diferença de anos de vida entre os dois géneros poderá diminuir com a emancipação da mulher e a sua adopção do estilo de vida masculino, adverte o director da investigação. Para este especialista, o hábito de fumar será a principal causa da redução dessa diferença.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.