Investigação aproxima Hospital da Covilhã de congéneres espanhóis

Actividades transfronteiriças na área da medicina

06 dezembro 2002
  |  Partilhar:

O Hospital da Covilhã vai integrar o Projecto INTERQUIRREG, iniciativa apoiada pelo Programa Comunitário INTERREG III, destinado a financiar actividades transfronteiriças.
 

 

Segundo João Casteleiro, director da unidade de saúde, o projecto vai agrupar hospitais da raia espanhola, "no estudo e desenvolvimento da cirurgia mini-invasiva".
 

 

Trata-se de uma técnica cirúrgica "baseada no uso de micro- câmaras de filmagem, o que minimiza o recurso a cortes no corpo do paciente", explica.
 

 

As técnicas mini-invasivas são já utilizadas no Hospital da Covilhã, nomeadamente, na Urologia, Ginecologia e Ortopedia.
 

"Agora vamos desenvolver esta área com apoios comunitários", estando previstas, entre outras actividades, "formação actualizada nestas técnicas", acrescenta.
 

 

Para já, "temos a estrutura centralizada em Cáceres, onde, também graças a apoios comunitários, foi instalada uma estrutura especificamente dedicada à cirurgia mini-invasiva. O que não quer dizer que no futuro não seja Cáceres a experimentar ou receber formação na Covilhã, de acordo com as actividades a planificar", acrescenta João Casteleiro.
 

 

"Temos um Hospital recente, em velocidade de cruzeiro e onde podemos desenvolver o que há de melhor", refere Casteleiro, realçando a mais valia da investigação: "Aqui na Beira Interior acabamos por ser os parentes pobres em relação a todo o Litoral, pelo que a cooperação tem de avançar com os vizinhos espanhóis".
 

 

O projecto representa um "passo de aproximação entre interesses comuns das zonas afastadas dos centros de decisão. Estas áreas mais deprimidas têm de agarrar as oportunidades", conclui o director do Hospital da Covilhã.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.