Inundações e secas ameaçam metade da população mundial

Futuro reserva “fenómenos metereológicos extremos” – Conselho Mundial da Água

07 março 2003
  |  Partilhar:

Metade da população mundial viverá em 2025 em regiões susceptíveis de serem fustigadas por tempestades e outros fenómenos meteorológicos extremos, possivelmente ligados às alterações climáticas, estima um relatório do Conselho Mundial da Água.
 

 

Inundações de proporções catastróficas não pararam de aumentar de decénio em decénio entre 1950 e 1998.
 

 

Segundo um documento elaborado pelo Conselho mundial da água (CME-WWC), entre 1971 e 1995, estes fenómenos afectaram mais de 1,5 mil milhões de habitantes em todo o planeta, vitimando 318.000 pessoas e provocando mais de 81 milhões de sem-abrigo.
 

 

A maioria das inundações acontece no continente asiático, mas "poucos países estão isentos de risco", sendo exemplo disso mesmo as inundações devastadoras que no Verão passado fustigaram a Europa central, refere o documento.
 

 

No outro prato da balança, períodos de grande seca são igualmente cada vez mais frequentes, nomeadamente em África.
 

 

O documento será apresentado na terceira edição do Fórum mundial da água, que deverá reunir, entre 16 e 23 de Março, em Quioto, Japão.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.