Insónia e Hipersónia relacionadas a Depressão em crianças

Estudo publicado na revista SLEEP

03 janeiro 2007
  |  Partilhar:

 

As crianças com perturbações de sono têm uma maior tendência para a Depressão e Ansiedade do que as crianças que dormem tranquilamente, revela um estudo publicado no número de Janeiro da revista SLEEP - publicação oficial da American Sleep Disorders Association.
 

 

Investigadores da University of Pittsburgh School of Medicine, Pensilvânia, EUA, liderados por Xianchen Liu analisaram 553 crianças com problemas relacionados com Depressão e Ansiedade.
 

 

No grupo analisado, 72,7% das crianças com Depressão sofriam de perturbações no sono, das quais 53,5% tinham Insónia, 9% sofriam de Hipersónia e 10,1% tinham ambas estas perturbações.
 

 

As raparigas com tendências depressivas apresentavam maior tendência para ter distúrbios do sono do que os rapazes, sem que as idades apresentassem alterações significativas a estes resultados.
 

 

O estudo revela ainda que, entre as crianças com estes problemas de sono, aquelas que apresentam ambos os distúrbios têm um maior historial de doença, estando mais vezes severamente deprimidos, maior possibilidade de perda de peso, retardamento psicomotor e fatigado que aqueles têm apenas um dos problemas.
 

 

"Sabemos que a depressão está associada a problemas de sono, mas o que este estudo mostra é que, em jovens, a Insónia é o problema mais comum, e que um a combinação entre Insónia e doença do sono é um problema duplo", disse Liu.
 

 

Fonte: Lusa e Imprensa Internacional
 

MNI- Médicos na Internet
 

 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.