Inquérito de Saúde e Nutrição no Porto

Estudo da Universidade do Porto

04 julho 2006
  |  Partilhar:

 

Metade dos homens do Porto consome uma quantidade de álcool superior ao que é considerado aceitável (duas bebidas por dia), revela um inquérito ao consumo alimentar nesta cidade.
 

 

O estudo da Universidade do Porto indica que metade da população masculina consome diariamente acima da quantidade considerada aceitável (30 gramas por dia ou duas bebidas alcoólicas), sendo o consumo excessivo mais grave na faixa etária acima de 40 anos, que apresenta consumos de etanol, em percentagem de contributo calórico, de cerca de 10%.
 

 

Os cidadãos do Porto também consomem bastante mais sal do que o necessário, adianta o estudo. Em 30% dos casos, os entrevistados tinham níveis de ingestão superior ao tolerável. Já no que respeita às fibras, 64% dos indivíduos ingeriam quantidades inferiores às recomendadas (25 gramas por dia). Quanto aos produtos hortofrutícolas, cerca de metade da população ingeria menos do que cinco porções diárias (49,6% de mulheres e 55,8% de homens).
 

 

A população idosa foi aquela onde se detectou maior inadequação na ingestão de micronutrientes (como as vitaminas e os oligoelementos).
 

 

O EPIPorto (Inquérito de Saúde e Nutrição no Porto) foi desenvolvido pelo Serviço de Higiene e Epidemiologia da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, e envolveu a recolha de informações sobre o consumo alimentar de uma amostra de 2415 indivíduos, representativa da população residente no Porto com mais de 18 anos.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.