Ingerir menos gordura pode reduzir risco de diabetes

Estudo publicado no “American Journal of Clinical Nutrition”

31 maio 2011
  |  Partilhar:

Perder peso pode não ser necessário para reduzir o risco de diabetes, explica um novo estudo, que, pelo contrário, sugere que pequenas alterações na dieta podem fazer uma grande diferença na diminuição do risco de diabetes, mesmo sem a perda de peso.

 

Para o estudo, os investigadores colocaram em dieta 69 pessoas, com excesso de peso e com risco de diabetes, durante oito semanas. A dieta consistia em pequenas reduções no consumo de gorduras e de hidratos de carbonos e os participantes foram divididos em dois grupos. Os do grupo de baixo teor de gordura consumiram uma dieta composta por 27% de gordura e 55% de hidratos de carbono. A dieta de baixo consumo de hidratos de carbono consistia em 39% de gordura e 43% de hidratos de carbono.

 

"Em oito semanas, o grupo da dieta baixa em gordura apresentou significativamente uma maior secreção de insulina e uma melhor tolerância à glicose, além de uma tendência a uma maior sensibilidade à insulina", disse, em comunicado de imprensa, Barbara Gower, líder da investigação, da University of Alabama em Birmingham, EUA. Os resultados foram descritos como mais acentuados nos participantes negros. "Estas melhorias indicam um menor risco de diabetes", acrescentou Gower.

 

Surpreendentemente, os participantes do estudo apresentaram um menor risco de doença, independentemente de terem perdido peso. "As pessoas têm dificuldade em perder peso", disse Gower, acrescentando, contudo, que “o importante é que os resultados do nosso estudo sugerem que a atenção à qualidade da dieta, não à quantidade, pode fazer uma diferença no risco de diabetes tipo 2."

 

Limitar a ingestão diária de gordura em cerca de 27% na dieta pode diminuir o risco de diabetes a longo prazo, concluiu o estudo. Os investigadores observaram que as mudanças alimentares são mínimas e controláveis. "As dietas utilizadas neste estudo foram, de facto, bastante moderadas", disse Laura Lee Goree, nutricionista da Universidade e co-autora do estudo, em comunicado de imprensa. "As pessoas em situação de risco de diabetes podem facilmente adoptar dietas de baixa gordura como as que usámos."

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.