Infecções frequentes em infantários e sistema imunitário

Opiniões apresentadas no XIII Congresso de Pneumologia do Norte

16 abril 2006
  |  Partilhar:

 

Especialistas em pneumologia e imunologia defenderam que as crianças que frequentam infantários nas cidades contactam com um mundo mais "artificial" do que o rural, o que acaba por condicionar um correcto desenvolvimento do sistema imunitário.
 

 

Para Helena Sá, do Departamento de Imunologia da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, os infantários são cada vez mais ambientes que não fomentam a formação de anticorpos que protegem os seres humanos das doenças. O tema "Infecções respiratórias nos infantários: imunização adequada?" esteve em debate, no Porto, no âmbito do XIII Congresso de Pneumologia do Norte.
 

 

Agostinho Marques, director do Serviço de Pneumologia do Hospital de S. João, Porto, referiu que a preocupação dos médicos não se reporta, por isso, à gravidade da infecção, mas ao condicionamento de um correcto desenvolvimento do sistema imunitário da criança. Nos infantários, "as crianças são infectadas de uma maneira demasiado massiva, o que não dá ao sistema imunitário tempo para responder na perfeição", afirmou o especialista.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.