Infarmed suspende lotes de vacina contra a meningite

Irregularidades no processo de fabrico

09 maio 2012
  |  Partilhar:

A autoridade que regula o setor do medicamento suspendeu a comercialização de dois lotes da vacina 'Menveo', que protege contra a meningite, após um alerta que revelava “irregularidades na etapa de fermentação desta vacina”, dá conta uma notícia avançada pela agência Lusa.

 

A 'Menveo' é uma vacina que se utiliza para a imunização ativa de adolescentes, desde os 11 anos de idade, e adultos que se encontrem em risco de exposição à Neisseria meningitidis, dos serogrupos A, C, W135 e Y.

 

As irregularidades detetadas levaram o Infarmed a suspender imediatamente a comercialização e utilização de dois lotes da vacina (M10092 e M10112).

 

As bactérias dos serogrupos A, C, W135 e Y da Neisseria meningitidis podem provocar infeções graves que, inclusivamente, poderão colocar em risco a vida do doente, como a meningite ou a septicemia.

 

De acordo com o Infarmed, esta vacina "é recomendada no âmbito da consulta do viajante" e "não está incluída no Plano Nacional de Vacinação".

 

O Infarmed ressalta que "existe uma vacina alternativa" à Menveo contra os meningococcos dos serogrupos A, W135 e Y, a qual está "disponível para administração através das unidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS)".

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.