Inaugurado em Cantanhede Parque de Biotecnologia

Biocant estuda "chip" para detectar miocardiopatia hipertrófica

14 setembro 2005
  |  Partilhar:

O primeiro parque de Biotecnologia do país foi inaugurado terça-feira, 13 de Setembro, em Cantanhede. No denominado Biocant - Parque de Biotecnologia de Cantanhede_ já estão a decorrer projectos pioneiros. Um dos quais é um "chip" para detectar precocemente miocardiopatia hipertrófica. O que se pretende é desenvolver uma tecnologia específica que funcione como rastreio genético para pessoas que reúnam critérios de maior susceptibilidade. Detectando precocemente a mutação genética que está na base da miocardiopatia hipertrófica, o doente é seguido e aconselhado quanto ao estilo de vida que pode prevenir a morte súbita. Outro dos estudos em desenvolvimento é a investigação que procura encontrar, na flora mediterrânica, um composto que iniba a acção da enzima responsável pela libertação de substâncias tóxicas que destroem as células nervosas dos doentes de Alzheimer. Caso se descubra esse produto natural, o objectivo final será desenvolver um medicamento para tratar aquela patologia degenerativa. O que implicará uma parceria com um laboratório farmacêutico, já que o Biocant não está vocacionado nem tem os meios necessários ao desenvolvimento de todas as fases de produção de um novo fármaco. Fonte: Diário de NotíciasMNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.