Implantes mamários: fundador da empresa admite fraude

União europeia quer reforçar o controlo destes e de outros produtos médicos

10 janeiro 2012
  |  Partilhar:

O fundador da marca francesa de implantes mamários polémicos  assumiu perante a polícia que produziu um gel de silicone não autorizado, embora alegando ser inofensivo, revelou uma notícia avançada pela agência Lusa.

 

"Sempre soube", afirmou em outubro à polícia de Marselha, quando confrontado com o facto de produtos usados nas próteses, exportadas para vários países, incluindo Portugal, não estarem conformes com as normas.

 

Jean-Claude  admitiu que sabia que "o gel não tinha sido homologado", mas que a "relação qualidade-preço era bem melhor".

 

Apesar de não ter sido comprovado o risco de cancro associado o uso de implantes PIP, as autoridades francesas notificaram 20 casos de cancro e duas mortes.

 

Porém, reconheceram o perigo de rompimento das próteses e reações infeciosas, pelo que recomendaram a 30.000 francesas que retirassem os implantes.

 

De acordo com a Direção-Geral da Saúde, em Portugal, onde foi suspensa, em março de 2010, a sua comercialização destes implantes, existem 1.500 a 2.000 mulheres com próteses mamárias PIP, as quais foram aconselhadas a consultarem o seu cirurgião ou médico assistente, para efeitos de exames de vigilância.

 

Na quinta-feira passada, o Centro Hospitalar Universitário de Coimbra anunciou que vai proceder a uma avaliação das pacientes que receberam implantes PIP e assumir os custos da sua remoção se isso for clinicamente indicado.

 

A Comissão Europeia já manifestou a intenção de reforçar o controlo dos implantes mamários e de outros produtos médicos, respondendo a uma exigência do governo francês.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.