Implantes mamários dificultam diagnóstico de cancro

Mamografias são mais difíceis de efectuar

02 fevereiro 2004
  |  Partilhar:

Se certas mamografias podem não mostrar os verdadeiros problemas em certas mulheres, os implantes de silicone dificultam ainda mais o diagnóstico de cancro. No entanto, segundo um estudo norte-americano, não existem provas de que a doença não esteja a ser detectada em estados mais avançados nesse grupo de mulheres.«Apesar de a sensibilidade da mamografia ser menor nas mulheres assintomáticas com implantes, não há indícios de que isso resulte no diagnóstico mais tardio da doença entre essas mulheres do que entre as que não aumentaram os seios», explicou a autora do estudo, Diana Miglioretti, da Cooperativa Grupo de Saúde.O estudo  - publicado na revista Journal of the American Medical Association -  foi feito com a análise de sete registos de mamografias dos EUA. «As mulheres com implantes nos seios deveriam ser incentivadas a realizar mamografias com a regularidade recomendada» escreveu a especialista no artigo.Embora a mamografia seja considerada um elemento fundamental na detecção precoce do cancro da mama, não existiam até agora dados concretos acerca do número de vidas poupadas graças a este exame de rotina. Investigadores britânicos revelam recentemente  que o programa nacional de detecção contribuiu para a redução em 21 por cento da taxa de mortalidade por cancro da mama na década de 90. De acordo com os investigadores, o recurso regular à mamografia permitiu salvar a vida a mais de 300 mulheres, com idades entre os 55 e os 69 anos, entre 1990 e 1998. Por outras palavras, da quebra de 21 por cento na taxa de mortalidade por cancro da mama, seis por cento devem-se directamente aos exames de detecção.Em Portugal, o cancro da mama é a principal causa de morte entre as mulheres acima dos 45 anos. Anualmente surgem 3.500 novos casos de cancro mamário. E todos os dias morrem cinco mulheres com esta doença.Traduzido e adaptado por:Paula Pedro MartinsJornalistaMNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.