Implantes mamários de silicone devem ser substituídos a cada 10 anos

Nota da Food and Drug Administration dos EUA

29 junho 2011
  |  Partilhar:

As mulheres submetidas a implantes mamários de silicone são susceptíveis de necessitar de uma cirurgia adicional dentro de 10 anos de modo a evitar complicações, como a ruptura das próteses, advertiu a entidade reguladora de saúde dos EUA.

 

A agência que regula os medicamentos e os alimentos nos EUA (Food and Drug Administration) vai realizar uma revisão das regras de segurança dos implantes mamários de silicone depois de analisar dados de diversos estudos a longo prazo que mostraram que os produtos tinham um pequeno vínculo com uma forma rara de cancro.

 

Em comunicado, a FDA referiu que, em geral, os estudos confirmaram a sua decisão de que os implantes podem ser usados com segurança, mas enfatizou que as conclusões podem ser limitadas porque algumas mulheres abandonaram a participação nas investigações. "O ponto-chave é que os implantes mamários não são dispositivos para toda a vida", disse Jeff Shuren, director do centro para dispositivos e saúde radiológica da FDA, acrescentando que “quanto mais tempo se tiver o implante, mais provável é que surjam complicações."

 

Segundo a sociedade americana de cirurgia plástica, citada no comunicado, em 2010 houve quase 400 mil procedimentos clínicos de aumento ou reconstrução da mama nos EUA, que incluiu os implantes de silicone e de solução salina.

 

Até 70% de todas as mulheres submetidas à cirurgia devido a doença ou trauma e até 40% das que receberam aumento do volume mamário com silicone precisavam de outra intervenção cirúrgica durante os 10 anos seguintes à primeira operação, refere a FDA.

 

A agência aprovou os implantes mamários de gel de silicone em 2006. Em 1992, a FDA tinha proibido os implantes de silicone para a maioria das mulheres, após muitas terem referido ruptura das próteses ou que estas conduziram a doenças crónicas.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 2Média: 4
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.