Identificado gene causador de doença cardíaca congénita

Doença é causa de morte em recém-nascidos

07 julho 2003
  |  Partilhar:

Cientistas norte-americanos e japoneses identificaram um terceiro gene causador de defeitos cardíacos congénitos, uma importante causa de morte nos recém-nascidos.
 

Uma versão defeituosa do gene, chamada GATA4, pode provocar malformações nas paredes que separam as quatro cavidades do coração, revela um estudo agora divulgado na edição electrónica da revista científica Nature.
 

 

A descoberta pode levar a terapias medicamentosas ou genéticas que resolvam o problema nos fetos, embora estes tratamentos estejam a uma distância de anos, segundo um dos autores do estudo, Deepak Srivastava, do Centro Médico do Sudoeste da Universidade do Texas, de Dallas.
 

 

Nos Estados Unidos nascem anualmente cerca de 25 mil bebés com este problema, ou seja um em cada 125 nascimentos, segundo fontes médicas.
 

 

Muitos destas malformações cardíacas exigem cirurgia de coração aberto.O gene defeituoso foi descoberto por investigadores norte- americanos e japoneses que investigavam a composição genética de duas famílias multigeracionais afectadas por defeitos cardíacos.
 

 

As mutações GATA4 aparecem em todos os membros das famílias com defeitos, mas não nos que não os têm, nem em outros três mil indivíduos não relacionados que foram também estudados.
 

 

O gene, que regula uma série de outros genes, é o terceiro que se descobre com influência em defeitos cardíacos, mas os investigadores estão convencidos de que haverá outros por descobrir.
 

 

Eventualmente, o gene pode também revelar vias para reparar os danos causados por ataques cardíacos nos adultos, na medida em que parece regular o crescimento do tecido cardíaco, adiantou Roberta Williams, cardiologista pediatra na Universidade do Sul da Califórnia, não envolvida nesta organização.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.