Identificada outra estratégia do HIV para evitar o sistema imunitário

Estudo publicado na "Nature"

15 maio 2007
  |  Partilhar:

O Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV) consegue evitar a activação do sistema imunitário quando interage com as células dendríticas, um tipo de células do sistema imune inato encarregue de vigiar a entrada de agentes patogénicos no organismo. De acordo com um estudo publicado na revista científica "Nature", a interacção entre o HIV e as dendríticas impede que estas células possam activar o sistema imunitário. Dirigida por Alison Simmons, do Weatherall Institute of Molecular Medicine da University of Oxford, a investigação avaliou o efeito da interacção entre o HIV e o GD-SIGN, um receptor proteico que se encontra na superfície das células dendríticas. Segundo o resultado do estudo, esta interacção não só impede que as células dendríticas possam activar a resposta imune mas também aumenta a possibilidade de propagação do vírus aos linfócitos T. Os linfócitos T são céllulas que têm um papel prepoderante na resposta imune. Por este motivo, ao serem infectadas pelo HIV, propocionam a multiplicação do vírus. Os resultados deste novo relatório revelam como o HIV pode impedir a actividade imunitária das células dendríticas e, ao mesmo tempo, ampliar a multiplicação do vírus. Fontes: Público e Imprensa Internacional MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.