Ibuprofeno afeta enzimas do fígado de ratos

Descoberta publicada na revista “Scientific Reports”

25 março 2020
  |  Partilhar:
Investigadores da Universidade da Califórnia realizaram um estudo para verificar os efeitos do ibuprofeno no fígado.
 
O estudo foi realizado em ratos, onde foi dada uma quantidade moderada de ibuprofeno a cada um durante uma semana – o equivalente a um adulto humano tomar 400mg do medicamento diariamente.
 
Os investigadores descobriram que o ibuprofeno causou muitas mais alterações na expressão de proteínas no fígado do que o esperado.
 
Pelo menos 34 vias metabólicas foram alteradas em ratos macho tratados com ibuprofeno. Estas incluíam vias envolvidas no metabolismo de aminoácidos, hormonas e vitaminas assim como a produção de oxigénio reativo e peróxido de hidrogénio dentro das células.
 
Os investigadores verificaram também diferentes efeitos do ibuprofeno em machos e fêmeas, sendo que, a atividade do citocromo P450 aumentou nas fêmeas mas diminuiu nos machos. Esta investigação concluiu que o aumento de citocromo P450 pode significar que outros fármacos tomados com o ibuprofeno podem ter maior duração em machos.
 
Aldrin V. Gomes, co-autor da investigação, afirma que é importante que a comunidade científica aborde as diferenças metabólicas e o efeito de fármacos em machos e fêmeas.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Comentários 0 Comentar