Hospital Militar de Coimbra inicia tratamentos com Terapia Fotodinâmica

Técnica será útil no tratamento de ex-combatentes do Ultramar

30 agosto 2009
  |  Partilhar:

O Hospital Militar de Coimbra juntou-se aos cerca de 12 hospitais nacionais de referência a usar Terapia Fotodinâmica (TFD), técnica destinada a tratar lesões pré-malignas da pele.

 

O Hospital Militar Regional N.º 2 de Coimbra iniciou esta semana os tratamentos com TFD no seu serviço de dermatologia. Trata-se, segundo o comunicado enviado à imprensa pelo hospital, de uma “opção terapêutica inovadora, eficaz, segura, de fácil execução e com excelentes resultados cosméticos que veio revolucionar por completo o combate à maioria dos cancros (carcinoma basocelular e doença de Bowen) e lesões pré-malignas (queratose actínica) da pele.”

 

Esta técnica consiste na aplicação de um creme (aminolevulinato de metilo) sobre a lesão, a qual é posteriormente exposta a uma fonte de luz vermelha. É esta irradiação que vai provocar a activação do creme e a consequente destruição selectiva do tecido tumoral.

 

Em entrevista à TVI, fonte do hospital explicou que a técnica irá servir, sobretudo, para uma população mais envelhecida, nomeadamente, ex-combatentes do Ultramar, os quais, devido às longas exposições solares a que foram submetidos durante o período militar acabaram por desenvolver problemas de pele.

 

A técnica está disponível em Portugal desde 2003.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.