Horas extraordinárias regulares aumentam em 60% o risco de doenças cardíacas

Estudo publicado no “European Heart Journal”

16 maio 2010
  |  Partilhar:

As pessoas que trabalham regularmente 10 a 11 horas por dia têm um risco de doença cardíaca aumentado em quase dois terços, sugere uma investigação britânica publicada no “European Heart Journal”.

 

O estudo incidiu sobre 6 mil trabalhadores da função pública do Reino Unido, que foram acompanhados ao longo de uma média de 11 anos. Depois de serem avaliados outros factores de risco, tais como tabagismo, colesterol elevado e excesso de peso, os investigadores chegaram à conclusão de que os que trabalham 3 ou 4 horas mais do que o horário laboral normal correm um risco 60% superior de apresentarem doenças coronárias.

 

Entre os casos estudados, 369 pessoas sofriam de doenças cardíacas que lhe causaram a morte, tiveram enfarte do miocárdio ou desenvolveram angina de peito.

 

Os especialistas, liderados por Mianna Virtanen, da University College London, sublinharam a importância para uma boa saúde cardíaca de se manter um equilíbrio saudável entre as horas de trabalho e de lazer. As pessoas que dedicam horas em excesso ao trabalho não têm tempo para praticar exercício físico, para relaxar ou para o entretenimento e são, normalmente, indivíduos mais agressivos e irritáveis, com propensão para a depressão, ansiedade e problemas de sono, adianta ainda o comunicado de imprensa divulgado pela Eurekalert.

 

O estudo levanta questões sobre como a vida laboral influencia o risco de doenças cardíacas, mas, embora mostre que existe uma relação entre os dois factores, as razões para o risco acrescido não são ainda claras e necessitam de ser alvo de mais investigações.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.