Homossexuais com 20 vezes mais probabilidade de infecção por VIH

OMS elabora directrizes

27 junho 2011
  |  Partilhar:

Os homossexuais apresentam 20 vezes mais probabilidades de contrair o VIH (vírus causador de sida), facto que levou a Organização Mundial de Saúde (OMS) a elaborar, pela primeira vez, uma lista de directrizes para o tratamento e a prevenção deste vírus entre os homossexuais e os transexuais.

 

Em países como a Bolívia, Jamaica, México, Myanmar, Tailândia, Trinidad e Zâmbia, a percentagem de homossexuais contagiados com o VIH ultrapassa os 20% e, em alguns casos, atinge os 40%, segundo um artigo publicado no boletim da OMS e citado pela agência Lusa.

 

No caso dos transexuais, as taxas de contágio variam entre oito e 68%, dependendo do país, ainda que em muitos casos os dados não sejam fiáveis porque este grupo não está reconhecido legalmente.

 

A OMS lembra que, em muitos países, estas comunidades são estigmatizadas, o que determina que estas pessoas não recorrem aos serviços de saúde com receio de serem marginalizadas e que seja violada a confidencialidade médico-doente.

 

Mais de 75 países criminalizam actualmente os homossexuais e os transexuais, privando-os de direitos fundamentais como a atenção médica.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 4
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.