Homem pode ter contraído febre aftosa na Grã-Bretanha
22 abril 2001
  |  Partilhar:

Um homem encarregado do abate de animais infectados pela febre aftosa no condado de Cumbria, no noroeste de Inglaterra, a região mais atingida pela epizootia, pode ter contraído a doença, anunciou hoje o Ministério da Saúde britânico.
 

 

Foram feitas análises, de que se saberá o resultado dentro de 48 horas, mas um porta-voz do ministério reconheceu que o homem apresenta "todos os sintomas" da doença: pústulas nas mãos, pés e boca, e febre como acontece com os animais.
 

 

De acordo com os Serviços Laboratórios da Saúde, “em princípio trata-se de um vírus animal que não se transmite ao homem, mas se este for exposto a doses maciças do vírus poderá contrair a doença” que não é perigosa e desaparece em alguns dias.
 

 

Entretanto, Toy Hart, um perito em doenças contagiosas da Universidade de Liverpool, frisou não conhecer nenhum caso de pessoas infectadas pela febre aftosa que tenham transmitido a doença a outros indivíduos.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.