«Homem dos Gelos» tinha piolhos
05 agosto 2001
  |  Partilhar:

O famoso «Homem dos Gelos», para além de ter sido morto por uma seta há cinco mil anos, nos Alpes austríacos, também tinha piolhos nas roupas.
 

 

Uma equipa de cientistas austríacos da Universidade de Innsbruck descobriu nas roupas do corpo mumificado do caçador pré-histórico, restos de piolho humano, os mais antigos encontrados até agora no Mundo.
 

 

«Isso demonstra que este tipo de parasitas existe já há cinco mil anos, uma vez que os mais antigos encontrados anteriormente datavam, dos séculos VI e V antes da nossa era», comentou hoje o professor Konrad Spindler, director do Instituto de Pré-História e História Antiga daquela Universidade.
 

 

Spindles comentou que, na própria múmia, carinhosamente baptizada de «Oetzi», por ter sido encontrada nas Montanhas de Oetzal, não foram encontrados piolhos, porque os restos mortais do caçador das neves foram lavados minuciosamente depois do achado, o que eliminou qualquer vestígio do incómodo parasita.
 

 

Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.