Holandês dador de esperma tem doença cerebral hereditária

18 filhos podem desenvolver a doença

28 fevereiro 2002
  |  Partilhar:

Entre 1989 e 1995, um holandês doou sémen para uma clínica de fertilização artificial do país. O homem, cuja identidade não foi revelada, foi o progenitor de 18 crianças que correm o risco de sofrer de uma doença hereditária. Na altura em que doou sémen, o homem ainda não tinha recebido o diagnóstico definitivo de ataxia cerebral –uma lesão que causa paralisia gradual do cerebelo. Só em 1997 teve a confirmação da doença e, nessa altura, avisou o hospital que destruiu o sémen congelado.
 

 

Mas o problema reside no facto de os filhos poderem desenvolver a doença cerebral hereditária rara. Segundo o hospital Jeroen Bosch, as crianças concebidas a partir daquele esperma, que agora têm entre 7 e 13 anos, apresentam 50 por cento de probabilidade de herdar a doença. Os médicos que diagnosticaram a doença ao progenitor demoraram três anos até contar o problema às mães das crianças.
 

 

Antes de decidir informar os 13 casais sobre a doença, o hospital consultou vários especialistas para discutir as implicações éticas. Estima-se que a ataxia cerebral atinja cerca de 500 holandeses. A doença não tem tratamento e a causa ainda é desconhecida. Geralmente começa por originar problemas da fala e mobilidade que pioram ao longo do tempo. As vítimas são diagnosticadas entre os 20 e os 50 anos. "O facto de muitas crianças serem afectadas (18 ao todo) conduz a uma calamidade sem precedentes", relatou Croonen ao jornal De Volkskrant.
 

 

O hospital afirmou que o dador foi analisado de acordo com as normas antes de fornecer o seu esperma e, naquela altura, não havia razões para se suspeitar de alguma doença hereditária. O comunicado do hospital adianta ainda: "Não é possível verificar doenças hereditárias que vão aparecer ao longo de toda a vida”.
 

 

Paula Pedro Martins
 

MNI-Médicos Na Internet
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.