Greve dos funcionários públicos está a afectar sector da Saúde
27 novembro 2001
  |  Partilhar:

A greve dos funcionários públicos marcada para hoje por duas estruturas sindicais está a afectar principalmente o sector da Saúde, com as urgências do Hospital de São Francisco Xavier a registarem uma adesão de 100%.
 

 

De acordo com Paulo Trindade, da Frente Comum, as urgências deste hospital registavam ao início da madrugada uma adesão de 100% no pessoal auxiliar, administrativo e médico.
 

 

No Hospital Miguel Bombarda, a adesão do pessoal administrativo e auxiliar rondava os 30%.
 

 

No entanto, a meio da madrugada, uma fonte governamental disse que as actividades hospitalares em todo o país decorriam em ambiente de "normalidade, com níveis baixos de adesão à greve".
 

 

Quanto ao pessoal camarário da recolha de lixo, os concelhos da Amadora, Seixal, Almada, Vendas Novas, Montemor-o- Novo, Loures e Sintra estão também com uma adesão de 100%.
 

 

A greve da Função Pública foi convocada pelo Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (UGT) e pela Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública (CGTP) depois de o Governo ter apresentado uma proposta de aumentos de 2,5% para 2002, que foi rejeitada.
 

 

Fonte: Lusa
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.