Greenpeace denuncia a patente de um gene relacionado com o cancro da mama
19 junho 2001
  |  Partilhar:

A organização ecologista Greenpeace denunciou hoje a patente, obtida por uma empresa farmacêutica norte-americana, de um gene causador do cancro da mama, o que vai dificultar a investigação desta e de outras doenças.
 

 

Com o apoio da ordem dos médicos alemães, os “guerreiros do arco-íris” vão apresentar um protesto perante o Agência Europeia de Patentes pelo registo deste gene, realizado a 23 de Maio, pois consideram que os genes são um bem universal inalienável.
 

 

Entretanto, a Agência Europeia de Patentes, com sede em Munique, assegura que os genes são entendidos como um composto químico na altura de aprovar uma patente e que esta não deve ser interpretada como um certificado de utilização.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.