Grávidas devem dar à luz em pé

Grupo britânico sugere atitude mais ancestral

23 setembro 2002
  |  Partilhar:

À imagem do que foi feito durante séculos e séculos, um estudo inglês, lançado recentemente, refere que o modo mais prático e conveniente de dar à luz é simplesmente estar em pé.
 

 

Segundo o estudo, feito pelo NCT – um organismo de aconselhamento a questões de natalidade - as grávidas devem movimentar-se mais e mudar a posição para facilitar o trabalho de parto e o nascimento do bebé e, por isso, não devem estar deitadas durante o processo.
 

 

Cerca de 40 por cento das grávidas britânicas, refere o mesmo estudo, não são aconselhadas a se sentarem, agacharem-se ou ficarem de pé durante o trabalho de parto, mesmo que isso reduza a dor e facilite o nascimento.
 

 

« É inacreditável saber que tantas mulheres têm trabalhos de parto mais longos, dolorosos e difíceis do que realmente precisavam, só porque não conhecem os benefícios de ficarem mais activas durante o parto», disse Belinda Phipps, directora do grupo.
 

 

De acordo com o NCT, ficar em pé durante o trabalho de parto e o nascimento diminui a duração do primeiro estágio do processo, além de reduzir a necessidade de uma anestesia epidural, bem como as probabilidades de uma infecção no útero.
 

 

O trabalho de parto e o nascimento em pé também são associados a uma menor necessidade de cesarianas ou partos assistidos. « Muitas mulheres acham que deitar-se é a melhor maneira de dar a luz, mas se se levantarem e andarem um pouco não é apenas mais confortável, mas também reduz a duração do processo», acrescentou Phipps.
 

 

Quando a mulher está em pé, o peso da cabeça do bebé empurra o colo do útero e acelera o trabalho de parto. O risco de algum problema com o bebé também é menor, já que a posição melhora o fluxo de sangue da criança.
 

 

O grupo apontou ainda que por milhares de anos as mulheres deram a luz em pé ou agachadas, ao invés do que é aconselhado nos países ocidentais.
 

 

Paula Pedro Martins
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.